Dispositivos Móveis – mudando a maneira de aprender

O infográfico abaixo EdTech + Mobile = Learning da Mobile Future, nos mostra como a utilização de dispositivos móveis nas escolas está diminuindo os custos e aumentando as notas. As pesquisas mostram que os alunos apresentam um maior engajamento com o conteúdo quando utilizam dispositivo móveis na sala de aula. O gráfica afirma, por exemplo, que em um curso de álgebra, alunos que utilizaram tablets tiveram um rendimento superior do que aqueles que utilizaram o livro didático. Confira os números.

MobileFuture

Photomath – resolvendo equações com o celular

Photomath

Photomath é um aplicativo gratuito desenvolvido pela croata microblink que, utilizando a câmera de qualquer smartphone, resolve equações de primeiro grau, operações com frações, número decimais e um monte de outras coisas com logaritmos. Novas equações serão adicionadas nas próximas versões do aplicativo. Basta focar a câmera do celular na equação e o aplicativo vai resolvendo o problema, passo a passo. Depois podemo revisar as etapas da resolução. O aplicativo funciona com uma engine de reconhecimento de texto que funciona em tempo real e com muita precisão. Apesar de parecer um pesadelo para os professores de matemática, não deixa de ser uma nova abordagem no aprendizado da matemática. Muito útil também para os alunos revisarem seus deveres de casa. Por enquanto o aplicativo só reconhece caracteres impressos, não entendendo letra manuscrita. Atualmente funciona em iOS e Windows, mas a versão Android deve chegar em seguida.

Levebee – aperfeiçoando a compreensão da leitura através de jogos

Levebee

Levebee é aplicativo concebido para melhorar a compreensão da leitura através de jogos e exercícios. Os tchecos criadores de Levebee possuem experiência anterior com o app Legentas, voltado para estudantes universitários e adultos. O aplicativo funciona muito bem para crianças que sofrem de dislexia. Com base em exercícios utilizados no tratamento do transtorno de leitura, o aplicativo cria um conjunto individual de exercícios para cada leitor, adaptado às suas habilidades atuais de leitura. Os exercícios são divertidos e possuem um mecanismo de ludificação, o que os torna bastante atrativos para as crianças. Leverbee funciona como um personal coach para o aprendizado e compreensão da leitura. Leverbee foi um dos 14 finalistas do Disrupt Europe 2014, em Londres.

Brainly – ajudando uns aos outros nas lições de casa

Brainly

Brainly é uma starup construída para que estudantes pudessem obter ajuda em suas dúvidas escolares on-line. Fundada em 2009 na Polônia, com o nome de  Zadane.pl, a plataforma teve em seu primeiro ano, mais de 2 milhões de usuários únicos por mês. Com tal sucesso, Brainly foi se internacionalizando por diversos países do leste europeu e chegou até os Estados Unido e Brasil. O funcionamento é muito simples. Faz-se uma pergunta e fica aguardando que alguém ajude. É mostrado o número de pessoas que estão on-line e quem está observando a pergunta. Toda e qualquer participação é recompensada com pontos. As perguntas podem ser filtradas por nível de ensino, disciplina e número de respostas. Em Brainly pode-se obter ajuda ou explicar assuntos que você domine. É o crowdsourcing da lição de casa. Brainly foi considerada a Polish Startup of the Year 2013.

Fronter – um completo ambiente de aprendizagem

fronter

Fronter é o ambiente de aprendizado desenvolvido pela Pearson que reúne uma série de ferramentas de produtividade, em um ambiente pessoal de aprendizagem, um sistema de gestão de aprendizagem e ferramentas de publicação, administração, colaboração e comunicação. É o que a Pearson chama de MIS ou manageament information system. Atualmente Fronter é utilizado em  milhares de instituições de ensino espalhadas pelo mundo e oferece a seus usuários uma solução hospedada centralmente com disponibilidade em tempo integral durante o ano todo. Suas grandes vantagens são a facilidade de uso, um módulo de administração sólido e flexível, interface personalizada e um suporte bastante operacional. A plataforma está distribuída em 13 países, inclusive o Brasil.

Verso app – o aprendizado baseado na investigação

verso

Verso app é um aplicativo que torna muito fácil a tarefa do professor de entregar conteúdos para suas classes, além de dar voz ativa para os alunos em suas respostas. Versso app é gratuito e funciona em qualquer dispositivo. O professor cria um desafio para a turma em áudio, vídeo ou imagens e pode incorporar outras fontes como Youtube, Vimeo, Dropbox, URL. etc. Podem adicionar perguntas e instruções para o desafio e revelar a opinião de cada aluno. Os estudantes participam de forma anônima e, a cada respostas, os outros são convidados a participar para aprofundar a discussão. Esta discussão transforma-se em um autêntico feedback onde os participantes são obrigados a apresentar suas próprias idéias antes de ter acesso a outras respostas. O professor tem total controle das participações e pode medir a compreensão e o envolvimento individualmente. O uso do aplicativo incentiva a colaboração, pois a formação de grupos é muito simples, pensamento crítico e escalada do conhecimento através de desafios mais complexos. Ótimo aplicativo para aqueles educadores que pretendem utilizar a sala de aula invertida.

Naiku – avaliações que ajudam na personalização

Naiku

Naiku é uma ferramenta cloud-based que permite fazer avaliações mais eficientes, tornando o ensino e o aprendizado um processo menos entediante. Além das características comuns às ferramentas de avaliação, Naiku permite também fazer a correção das questões através de escaneamento digital de cartões e lançamento automático das notas. O compartilhamento de provas também é outra característica interessante. Mas, o que realmente diferencia Naiku é do aluno poder confidenciar suas dificuldades e justificar suas respostas. Um pequeno quadro de diálogo é incluído em cada questão onde o aluno pode refletir sobre suas respostas, inclusive dizer se está chutando, se teve dificuldades para responder ou se respondeu com certeza. Dessa maneira o professor pode melhor orientar e direcionar o feedback para seus alunos individualmente. Os alunos podem então revisar suas avaliações que, com o feedback do professor, tornam seu aprendizado mais eficiente.